A Transmissão dos Canais da SIC em Angola Adiada Sem Data Concreta

A operadora de televisão por subscrição Multichoice começou a informar os clientes em Angola que já não retoma hoje a transmissão dos canais da televisão portuguesa SIC através da plataforma internacional DStv, como anunciou anteriormente.

Na informação transmitida à agência Lusa, a empresa refere apenas que “hoje já não será retomada a transmissão” desses canais, o que deverá acontecer “brevemente”, mas sem adiantar datas concretas ou explicações para esta alteração.


A Partir de 1 de Novembro a Portuguesa SIC Voltará a Transmitir em Angola

Os clientes da operadora de televisão paga Multichoice em Angola foram informados que a plataforma internacional DStv vai retomar a transmissão dos canais da televisão portuguesa SIC no país a 01 de Novembro.

Os canais  SIC Internacional e SIC Notícias regressam à grade de programação da DStv em Angola a partir das 10:00 de quarta-feira, nos vários pacotes, informa a agência Lusa.


“Totalmente Alheia” Por os Canais SIC Terem Deixado de Ser Transmitidos em Angola, Informa a SIC

A SIC disse hoje que é “totalmente alheia” ao facto de os canais SIC Notícias e SIC Internacional África terem deixado de ser transmitidos pela plataforma DStv em Angola.


Empresa de Isabel dos Santos Suspende a Difusão em Angola dos Canais SIC Internacional e SIC Notícias

A operadora de televisão por satélite angolana Zap, da empresária Isabel dos Santos, filha do presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, suspendeu, terça-feira (14), a difusão dos canais SIC Internacional e SIC Notícias, do grupo português Impresa, de Francisco Pinto Balsemão, nos mercados de Angola e Moçambique.


Projecto da TV Cabo Angola Leva Internet de Alta Velocidade a Várias Cidades Angolanas

tvcabo_vivO Banco Europeu de Investimento (BEI) vai financiar com 20 milhões de euros um projeto da TV Cabo Angola para disponibilizar acesso a internet de alta velocidade em várias cidades angolanas, conforme acordo fechado hoje no Luxemburgo.

Segundo informação enviada à Lusa, em Luanda, pelo banco detido pelos estados-membros da União Europeia, trata-se de um empréstimo de longo prazo, o segundo concedido desde 2006 pelo BEI à TV Cabo Angola, empresa participada pelo grupo português Visabeira Global.

Depois de instalada, a nova rede vai permitir o acesso de escolas, hospitais, Organizações Não Governamentais, departamentos públicos e clientes privados a “serviços avançados de telecomunicações e internet”, explica a mesma nota.