Parceria de Multinacional com a Sonangol Vai Criar Mais de 200 Postos de Trabalho em Angola

A Tidewater Marine, uma das maiores empresas internacionais de apoio às atividades petrolíferas em ‘offshore’ e cabotagem, vai avançar com uma parceria com a concessionária estatal Sonangol e criar mais de 200 empregos em Angola, até 2019.

Segundo o projeto de investimento aprovado pelo Governo angolano, publicado a 06 de abril, ao qual a Lusa teve hoje acesso, o mesmo prevê a constituição da Sonatide Marine Angola, uma sociedade por quotas de direito angolano, cuja atividade consiste na prestação de serviços marítimos, incluindo cabotagem e gestão de navios, no apoio a empresas da indústria de petróleo e gás com operações de perfuração, pesquisa e produção em Angola.

Representa um investimento superior a 1,3 milhões de dólares (um milhão de euros), em Luanda, com a Tidewater Marine a ficar com 49% do capital social e a Sonangol Holdings com os restantes 51%.


Sonangol Quer Refinarias do Lobito e Cabinda Prontas nos Próximos 4 Anos

A Sonangol vai trabalhar de forma célere, com um total de 23 empresas a serem contratadas, para concluir a Refinaria do Lobito e construir a Refinaria de Cabinda, nos próximo quatro anos.

A petrolífera angolana pretende, com esses projectos, aumentar a produção de refinados e reduzir os custos de importação com os derivados do petróleo.

O tempo estimado nas propostas das empresas, que serão contratadas para financiar e construir as infra-estruturas, aponta para dois anos a conclusão da Refinaria de Cabinda, por ser de menor porte, e cinco a quatro anos para terminar as obras da Refinaria do Lobito, cuja sua construção começou em 2013.


A Sonair Subsidiária da Sonangol Negoceia Venda de Seus Aviões da Frota B-1900

A Sonair, subsidiária da Sonangol vocacionada para a prestação de serviços aéreos, está a negociar a venda de aviões da frota B-1900, com operadoras privadas.

Segundo apurou o VALOR, uma das primeiras vendas foi feita à operadora aérea Air Jet que adquiriu dois aparelhos. Mas o director comercial da Air Jet explica que os meios ainda não foram entregues, estando a empresa a aguardar pelo cumprimento de “burocracias administrativas” por parte da Sonangol


Assinatura de Acordos com a Francesa Total Para Relançamento da Sonangol

A estatal Sociedade Nacional de Combustível de Angola (Sonangol ) e a companhia francesa Total assinaram hoje, em Luanda, vários acordos de parceria para o relançamento da indústria petrolífera no segmento “upstream” e “downstream”, no âmbito da cooperação entre a concessionaria angolana e a multinacional francesa.

Com base nos acordos assinados, será desencadeado um processo para entrada em exploração do bloco 48 ( bloco em águas ultra profundas),  seis  anos  depois  de serem concluídos os últimos  blocos  que o país lançou para a exploração (2011).


Presidente Angolano Pede Aos Novos Administradores da Sonangol Para Tratarem bem da “Galinha dos Ovos de Ouro”

O Presidente angolano, João Lourenço, pediu hoje aos novos administradores da Sonangol, empossados após a exoneração de Isabel dos Santos, que “cuidem bem” da concessionária estatal petrolífera, por ser a “galinha dos ovos de ouro” de Angola. Menos de 24 horas depois de a Casa Civil do Presidente da República ter anunciado, na quarta-feira, a exoneração do conselho de administração da Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol), o chefe de Estado deu hoje posse à nova equipa da petrolífera estatal, que passa a ser liderada por Carlos Saturnino.