A Procura dos Turistas Brasileiros por Destinos Portugueses Subiu 35% em Outubro

Lisboa Moderna

O turismo brasileiro em Portugal apresentou em Outubro um crescimento de 35,4% em comparação com o ano passado, o mais elevado crescimento entre todos os mercados emissores de turistas estrangeiros para Portugal, segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE).


Na Edição de 2017 do Prestigiado Guia Michelin, Portugal Tem Mais 7 Restaurantes Com Estrelas

estrela-michelinPortugal passou de 14 para 21 estabelecimentos distinguidos pelo reputado guia de viagens e gastronomia da Michelin. O país tem agora 16 restaurantes com uma estrela e cinco com duas estrelas. Mas nenhum tem ainda a pontuação máxima de três estrelas.


A Procura de Hoteis Portugueses por Turistas do Brasil, Suíça, Holanda e Estados Unidos Aumentou em Agosto

Lisboa-Bairro Alto Hotel-5 Estrelaslisboa_hotel_bairro_alto_O turismo brasileiro em Portugal voltou a crescer. Em agosto os hotéis portugueses registaram mais de 127 mil dormidas de turistas provenientes do Brasil, um número que fica 19,4% acima do verificado no mesmo mês do ano passado, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Agosto foi o terceiro mês deste ano com maior fluxo turístico brasileiro em Portugal, apenas atrás de julho (146 mil dormidas nos hotéis portugueses) e maio (144 mil dormidas), revelam os números do INE.


Dos 34 Mil Estrangeiros Que em 2015 Pediram Nacionalidade Portuguesa,11 Mil São Brasileiros e 4.300 Cabo-Verdianos

sefQuase 34 mil estrangeiros pediram a nacionalidade portuguesa em 2015, tendo as solicitações aumentado 4,8 por cento em relação a 2014, indica o Relatório de Imigração, Fronteiras e Asilo (RIFA) divulgado nesta quinta-feira (23), em Lisboa.

O documento do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras adianta que foram formulados 33.901 pedidos de atribuição e aquisição da nacionalidade portuguesa em 2015, mais 4,8 por cento do que em 2014, quando foram efetuados 32.349.


Polícia Judiciária de Portugal Prende Três Falsários de Notas de 500 Euros, com Destino a Angola

500_euroUma investigação iniciada há dois anos conduziu a Polícia Judiciária de Portugal a um grupo de três falsários que se preparavam para produzir e colocar no mercado notas falsas de 500 euros para além de moedas, igualmente forjadas, de um e dois euros. As autoridades acreditam que Angola seria um dos destinos do dinheiro.

As notas e moedas contrafeitas seriam produzidas com recurso a uma impressora 3D, entretanto confiscada pelaPolícia Judiciária, que conduziu a investigação.