Queixa-Crime Contra Isabel dos Santos Formalizada Pela Sonangol

A Sonangol enviou uma queixa-crime à Procuradoria Geral de Angola contra Isabel dos Santos por alegados desvios de dividendos.

Depois da exoneração, em novembro, de Isabel dos Santos do cargo de presidente do Conselho de Administração da Sonangol (Sociedade Nacional de Combustíveis) pelo novo presidente angolano, João Lourenço, a nova gestão da petrolífera, encabeçada agora por Carlos Saturnino, alega irregularidades no recebimento e distribuição dos dividendos a que tem direito na petrolífera portuguesa Galp.


A Joalharia Suíça de Isabel dos Santos e Sindika Dokolo Abre Nova e Luxuosa Loja em Nova Iorque

A De Grisogono, a joalharia suíça de Isabel dos Santos e Sindika Dokolo, acaba de abrir uma nova e luxuosa loja na Madison Avenue, em Nova Iorque, Estados Unidos da América, para responder à crescente demanda pelas jóias criadas por esta que é uma das mais prestigiadas casas criadoras de produtos de luxo do mundo.

A De Grisogono, que recentemente vendeu em leilão, realizado pela Christie”s, em Genebra, Suíça, uma jóia rara e de grande qualidade, produzida a partir do diamante de 404 quilates extraído em 2016 na mina do Lulo, na Lunda Norte, o maior de sempre encontrado em Angola


Não Há Conflito Político com Exoneração de Isabel dos Santos da Sonangol

                                                            Foto Sapo Notícias

O novo director do Jornal de Angola, Victor Silva, relaciona a exoneração de Isabel dos Santos da Sonangol por ser uma “pessoa politicamente exposta”, recusando que haja um conflito político entre o Presidente angolano e o líder do MPLA.
A posição surge no artigo “Um falso problema”, o seu primeiro editorial assinado no diário estatal, após a nomeação, pelo Presidente da República, para o cargo de presidente do conselho de administração da Edições Novembro, que publica o Jornal de Angola.


Contestações na Sonangol à Gestão de Isabel dos Santos Levam a Pensar Que o Seu Fim Esteja Para Breve

Isabel dos Santos manifestou “orgulho” na obra do pai e relativizou problema da corrupção em Angola, numa altura em que a sua gestão enfrenta contestações na Sonangol. Já há quem acredite que o seu fim esteja para breve.

A presidente da petrolífera angolana fez os pronunciamento num evento promovido pela Thomson Reuters em Londres. Isabel dos Santos reconhece que o seu país tem desafios por ultrapassar, mas também tece um rasgado elogio ao seu pai: “O Presidente dos Santos tem uma história fantástica, é um grande líder para África”.

Um pai que antes de abandonar o poder ainda conseguiu exarar Decretos que lhe conferem mais poderes na mais importante empresa pública de Angola, a Sonangol. Mas na empresa há quem não esteja contente com isso nem com a sua gestão.


Quatro Anos Depois, Isabel dos Santos Explica o “Milagre dos Ovos”

Mais de quatro anos depois de ter revelado que o seu sentido para os negócios se manifestou desde tenra idade, através da venda de ovos, a empresária Isabel dos Santos clarifica o sentido das suas palavras.