Futebol Feminino

Luena – As duas melhores marcadoras do nacional de futebol feminino, Irene com (33) e Gueth (29) golos tiveram um registo nulo na partida de quarta-feira entre o Progresso do Sambizanga e Amigas do Mártires, (2-0), disputada no estádio “Mundunduleno” do Luena.
A quarta jornada que opôs as duas goleadoras e igualmente as duas melhores equipas do IV campeonato, foi uma partida muito equilibrada com as atletas do Mártires a mostrarem uma certa agressividade devido a pressão que sofriam das “Sambilas”.
A Atleta Gely (defesa do Mártires), com a lição bem estuda serviu de “polícia” a Irene que durante a partida “recusou-se” ceder qualquer espaço à goleadora do Progresso do Sambizanga.
No final do encontro, Irene, que também é capitã das “Sambilas” disse que apesar de não marcar nenhum golo nesta partida, vai continuar a trabalhar para fazê-lo nas próximas jornadas, de forma a alcançar o seu objectivo e “maior sonho” que é sagrar-se melhor marcadora.
A sua “arqui-rival”, Gueth, teve tantas oportunidades sem, no entanto, concretizar, devido à tensão da difícil missão de marcar golos e aproximar-se a sua directa adversária.
Entretanto, Gueth rejeitou prestar quaisquer declarações à imprensa, devido às falhas “infantis” que cometeu no decorrer da partida.
Com este resultado o Progresso do Sambizanga passa a liderar o grupo “B”, com 12 pontos, mais três que as Amigas do Mártires, na segunda posição.