O Sector Agro-Industrial Angolano Deverá ser a Grande Aposta para o Crescimento da Economia

O sector agro-industrial em Angola deve ser encarado como «a grande aposta para o crescimento da economia, empoderamento das famílias e, inclusive, como oportunidade de inclusão social de militares desmobilizados e veteranos de guerra», considerou Welwitchia dos Santos, presidente do Tea Club Amar Angola, durante o seu discurso de abertura no workshop subordinado ao tema: “Diversificação da Economia – Desenvolvimento do Sector Agro-Industrial”.


Nasce Agora em Angola o Mais Importante Projecto Agro-industrial do Sul do País

FcaluequeNum espaço que há cinco meses existia uma mata nasce agora o mais importante projecto agroindustrial do Sul do país, que até 2020 deverá empregar oito mil trabalhadores. Até ao momento, o empresário Silvestre Tulumba diz ter empregue do próprio bolso USD 89 milhões.

Do alto, a partir do pequeno jato, consegue-se divisar mais abaixo as estradas paralelas de terra batida e as enormes parcelas de terra desbravadas que já aguardam pelo plantio nos próximos dias. Nas obras, máquinas circulam de um lado para o outro, homens e mulheres acertam os últimos detalhes no complexo. Ndaudako Hidimbwa, 39 anos, é um dos ajudantes de pedreiro.


Relançamento da Cultura do Algodão no Município do Sumbe Com o Apoio da Coreia do Sul

algodaoO relançamento da produção de algodão em duas localidades do município do Sumbe, capital da província do Cuanza Sul, inicia-se em Janeiro de 2016, anunciaram técnicos do Ministério da Agricultura que no terreno avaliaram a evolução do projecto.


Produção Agrícola, Água, Energia Eléctrica, Desminagem de Campos e Transporte Ferroviário Potenciaram o Fomento Agrícola no Bié

Foto Angop-Silos para conservação de produtos agrícolas em Camacupa

bie_silosProdução agrícola, água, energia eléctrica e transporte ferroviário deixaram de ser, nos últimos anos, problemas que faziam do Bié uma cidade quase parada. Localizado na região Centro, a 735 quilómetros da capital política, administrativa e económica do país (Luanda), o território procura ter de volta os tempos áureos dos cereais.

Para tal, quatro factores potenciam-lhe o fomento agrícola: desminagem dos solos, extensão da rede eléctrica, capacidade de captação e distribuição de água, além da recuperação da linha férrea. A combinação desses vectores tem trazido resultados visíveis nos campos de produção e ajudado a reduzir os índices de pobreza.


Cinco Mil Postos de Trabalho a Criar Pelo Projecto Agro-Industrial de Missombo, Município de Menongue

agro_industriaO vice-governador do Cuando Cubango para área económica e produtiva, Ernesto Kiteculo, informou à imprensa, nesta quarta-feira, que o programa da agro-industrial a ser desenvolvido nos próximos tempos na comuna do Missombo, município de Menongue, necessitará de quase 5000 mil postos de trabalho.

O vice-governador prestou esta informação a saída de uma reunião que os deputados da Assembleia Nacional no círculo local mantiveram com o governador do Cuando Cubango, Higino Carneiro, tendo como um dos objectivos a execução do Orçamento Geral do Estado de 2015.