Devido à Seca o Café de Cabo Verde Está em Risco

Nas encostas do Fogo, os solos vulcânicos escondem tesouros em risco de serem roubados. Nesta ilha de Cabo Verde, o café, outrora erguido a riqueza nacional, corre o risco de desaparecer devido à seca prolongada que se faz sentir no país.

Entre os 350 e os 1300 metros de altitude, sobrevivem as plantações da variedade arábica.

Há um século, os terrenos davam origem a 500 toneladas de café. Atualmente, a produção está abaixo das cem.

Aos 74 anos, Rosério Rodrigues gosta de se ver como “um continuador” da tradição familiar. Faz parte da quarta geração de produtores de café, mas teme que a produção que mantém seja uma herança que mais ninguém queira honrar. Os filhos parecem pouco interessados num negócio cada vez menos rentável.

“Com a falta de chuva que Cabo Verde tem estado a passar, tem havido cada vez menos produção. Pode variar, o café é uma coisa que não se pode confiar, não se deve ter fé”, alerta.

A falta de fé no café é um sentimento generalizado entre vários produtores, que, como Manuel Barros, sofrem com a seca que assola o país.

Euro News

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Anti-Spam * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.