Governo Admite Que 46% da População de Angola Não Tem Registo de Nascimento

O Governo angolano admite hoje que 46% da população de Angola ainda não tem registo de nascimento, admitindo dificuldades também na emissão de bilhetes de identidade e de cédulas.

A informação foi avançada pela diretora nacional do Arquivo e Identificação Criminal e Civil do Ministério da Justiça e Direitos Humanos de Angola, Felismina Manuel, que salientou que as províncias com mais documentos de identificação são as de Luanda, onde se situa a capital, Benguela, Huíla, Uíje e Cabinda.

“Vou dar aqui a mão à palmatória, temos dificuldades sim. A nossa base de dados tem nove milhões de bilhetes de identidade”, disse Felismina Manuel, citada pela rádio pública angolana.

Segundo dados do último censo geral da população, de 2014, cerca de 54% dos angolanos tem registo civil, o que corresponde a 13,7 milhões de habitantes, dos quais cerca de 11 milhões se encontram na área urbana e os restantes em zonas rurais.

Segundo o censo geral da população realizado em 2014, Angola contava então com mais de 25 milhões de habitantes, estimando-se que possa atingir os 30 milhões em 2020.

Lusa/Sapo Notícias

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Anti-Spam * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.